Home >> Ensinamentos >> Curiosidades

 

DISCOS VOADORES E VIDA FORA DA TERRA

 

 

Pergunta: Gostaria de fazer uma pergunta sobre discos voadores. Já faz um ano que o tema discos voadores apareceu nos jornais, mais ainda hoje não se sabe o que realmente é. No dia primeiro de agosto deste ano, uma testemunha do episódio relatou o seguinte:

1 - Um objeto sólido de cor azu clara em sentido sul-norte deixando um longo rastro e logo em seguida dividia-se em dois e desapareceu.

2 - Ele tinha o tamanho de uma lua crescente de cinco dias e emitia uma luz alaranjada.

3 - De repente surgiu um flash de luz azul, a altitude parecia ser na estratosfera, e parecia ser do tamanho de um disco de vinil e tinha um certo volume. Avançava devagar, e gradualmente foi mudando a cor incandescente para um vermelho, e acabou desaparecendo no céu acima do mar.

Este tipo de avistamento é muito comum nos EUA e criam bastante confusão. Existe a teoria de que é uma nova arma, a teoria contrária que diz que não é algo do tipo, tem a teoria de que é estrela cadente e a teoria de que não é. Enfim, existe todo tipo de teoria.

 

Meishu-Sama: A esse respeito, não é aquilo que as pessoas pensam na sociedade. É algo extremamente místico e misterioso. Em algum momento, irei publicar uma explicação detalhada no Jornal Eiko.

OBS: Meishu-Sama acabou não publicando nada a respeito.

Registro de Conversas Iluminadas - Revista Chijyotengoku nº 40

25 de setembro de 1952

Traduzido pela Equipe do Jinsai.org

 

NÃO HÁ VIDA FORA DA TERRA

Astrônomos estrangeiros, já há algum tempo, vinham divulgando uma tese de que em Marte existem canais e seres vivos. Eu escrevi anteriormente que em Marte não existe vida. Entretanto, ultimamente vem aparecendo aqui e acolá estudiosos apresentando a tese de que não existe vida em Marte, e eu acho isso muito engraçado. A razão disso é que penso que a astronomia atual é de um nível extremamente infantil. De uns tempos para cá, na região da Inglaterra, têm aparecido alguns cientistas excêntricos fazendo os preparativos para uma viagem ao mundo da lua. Infelizmente, são cientistas de tão baixo nível que até fico com pena.

Gostaria de explicar algumas coisas a respeito disso. Eu afirmo categoricamente que, neste grande universo, não existem seres vivos em nenhum outro lugar além da Terra. Como eu sempre digo, o mundo da lua é uma massa de gelo, e o frio é de muitos graus abaixo de zero, algo inconcebível pela imaginação do ser humano. É uma grande massa de gelo de frio extremo e absoluto. Por isso, mesmo que o ser humano consiga chegar lá, ele congelaria instantaneamente, ficando como uma pedra; além disso, não existe um milímetro de ar, é um lugar que corresponde ao mundo do nada. Portanto, seria melhor desistir desse intento. Assim sendo, as irregularidades [do solo lunar] vistas pelo telescópio, são as imperfeições da superfície do gelo. Aproveitando a oportunidade, explicarei também a respeito do sol.

O Sol é uma massa de fogo enorme, muito além da imaginação; digamos que seja o espírito do fogo, enquanto que a Terra seria o corpo do fogo, uma vez que seu interior é também uma massa de fogo. Em termos simples, o calor que vem do céu e da terra dissolve a massa de gelo da Lua e produz hidrogênio que auxilia no papel das atividades da Terra, e os mares, rios, nuvens e neblinas são transformações disso. Ainda, as estrelas, ao mesmo tempo em que atraem a Terra, enviam sua energia vital (reiki) por meio de raios cósmicos para abastecer a Terra, ajudando-a em sua atividade.

Como vimos, a astronomia, que os cientistas da atualidade têm tanto orgulho, está, na verdade, apenas um nível acima da era primitiva. Conseguir desvendar esses mistérios com uma ciência material é apenas um sonho tolo. Entretanto, como sempre digo, isso não se restringe à astronomia da ciência contemporânea; na verdade, a medicina, a agricultura e as mais diversas culturas têm o mesmo nível citado acima. Por isso, atualmente eu venho me empenhando em esclarecer essa cegueira e elevar o nível da ciência.

 

Jornal Eiko nº 159 - 04 de junho de 1952

Traduzido pela Equipe do Jinsai.org

 

Pergunta: Num destes dias, um jornal mencionou sobre discos que voavam e emitiam luz. Poderia, por gentileza, me explicar sobre este fenômeno?

Meishu-Sama: Eu também penso ser algo misterioso. Como não é possível ver, não posso afirmar claramente, mas penso que seja um Deus Dragão ou algo parecido, que com a chegada de uma determinada época começa a atuar. Dentre os dragões, alguns possuem um fogo poderoso [daí as luzes]. Não posso afirmar com toda a certeza, mas os que fizeram um grande barulho parece que eram estrelas cadentes (meteoritos).

Registro de Instruções - 02 de fevereiro de 1949

Traduzido pela Equipe do Jinsai.org

 

A VERDADE SOBRE OS DISCOS VOADORES

Pergunta: Um grande mistério do mundo moderno são os discos voadores. Tem alguma idéia do que possam ser?

Meishu-Sama: Existem cientistas que pesquisam aeronaves. Deve ser algo como um foguete.

 

Registro de Instruções - 06 de setembro de 1949

Traduzido pela Equipe do Jinsai.org

 

Nota da Equipe do Jinsai.org: A teoria da vida extraterrestre é apenas uma que explica a origem dos discos voadores e dos seres alienígenas. Outras teorias, que não entrariam em choque com este Ensinamento, são as seguintes (apresentamos abaixo apenas algumas):

- Seres intraterrestres: segundo esta teoria, os discos voadores e alienígenas não viriam de outros planetas ou estrelas, mas de uma civilização intraterrestre, ou seja, do interior do próprio planeta Terra. É dito que São Thomé das Letras, em Minas Gerais, é um dos portais que levam a essa civilização.

- Seres intramarinhos ou sub-aquáticos: é a teoria de que esses seres viriam do fundo do mar, ou mesmo de "debaixo" dele. Foi mostrada no filme "O Segredo do Abismo", do diretor James Cameron.

- Seres extradimensionais: São da própria Terra, mas de uma (ou algumas) dimensão(ões) paralela(s) à nossa. O Triângulo das Bermudas seria um portal para essa(s) dimensão(ões).

Se encontrarmos algum outro Ensinamento no qual o Mestre Jinsai fala sobre isso, colocá-lo-emos nesta seção, mas cabe ao leitor tirar suas próprias conclusões.

 


Imprimir

 


Jinsai.org - Vida e Obra do Mestre Jinsai

 

Copyright © Todos os direitos reservados